Buscar Notícias
27/11/2014 5 motivos pelos quais devemos ter um plano de previdência privada

Enquanto somos economicamente ativos, temos muitas oportunidades de aumentar nossa renda e padrão de vida. Inúmeras possibilidades podem nos surgir a cada dia. Mas com o passar do tempo, e os anos correm mais rapidamente do que a maioria das pessoas pode prever, surge o momento em que não somos mais tão ativos. Chega o tempo da aposentadoria. Como podemos nos prevenir financeiramente para que esse momento não seja de escassez? O economista Carlos H. Mazieri nos aconselha a fazer um plano de previdência privada e nos dá cinco bons motivos para isso.

Ao analisar o atual cenário brasileiro, Mazieri declara: "Há pouco tempo, em uma economia onde a inflação girava próximo dos 80%, não era possível planejar ou pensar em uma estratégia de longo prazo. A meta principal era lutar para sobreviver. A aposentadoria, misturada com essa avalanche de incertezas, era um verdadeiro sofrimento. Hoje, porém, temos uma visão um pouco mais de longo prazo. Fazemos planos, estabelecemos prioridades e colocamos meta para nossos objetivos. Buscamos por segurança, tranquilidade e conforto financeiro, palavras que guardam sinergia com os objetivos da previdência privada e permitem a manutenção da qualidade de vida".

Quando questionado então sobre o real motivo para se fazer um plano de previdência privada, o economista explica: "Muitos estudos demonstraram que os três grandes medos do ser humano são: o medo de falar em público, o medo da morte e o medo de não ter dinheiro no futuro. O que é futuro para nós simples mortais? É a nossa aposentadoria! Por que é importante um plano de previdência privada? Existem diversas razões que podem nos levar a montar um plano de previdência privada, mas entendo que os principais são:

1- Complementação da aposentadoria

Sabemos que quando nos aposentamos os valores recebidos mensalmente da previdência não são os mesmos recebidos enquanto estamos trabalhando, então, a previdência privada serve como uma complementação da aposentadoria, e por conseguinte a manutenção do poder aquisitivo e padrão de vida;

2- Diversificação de investimento

Muitos de nós já ouviu o velho ditado que diz que nunca devemos colocar os ovos em uma única cesta. O plano de previdência serve como mais uma opção de diversificação de investimentos com segurança;

3- Benefício fiscal

Os planos classificados como PGBL (plano gerador de benefício livre) permitem ao contribuinte a dedução do IR (imposto de renda) até o valor de 12% de sua renda anual tributável;

4- Disciplina

Muitas pessoas não conseguem se programar e guardar dinheiro. Até tentam, mas a facilidade de transferência, saques e a não obrigatoriedade dos depósitos nas aplicações convencionais acabam prejudicando a estratégica montada de sucesso financeiro. Os planos de previdência privada permitem o débito automático, facilitando e fortalecendo o conceito de ganhar e guardar antes de gastar;

5- Sucessão patrimonial

Diferentemente de outras aplicações, no caso de falecimento do titular do plano, a Previdência Privada dispensa inventário.

Podem existir muitas razões que nos façam protelar a aquisição de uma previdência privada e um planejamento financeiro eficiente. Quaisquer que sejam suas limitações atuais, lembre-se de que nunca é tarde para começar. Aproveite o cenário mais estável do mercado brasileiro e inicie uma estratégia de sucesso para sua vida futura.

Autor / fonte: familia.com.br Link Relacionado: http://familia.com.br/5-motivos-pelos-quais-devemos-ter-uma-previdencia-privada Tags: previdência privada, futuro, renda
Compartilhe: